ir para o conteúdo
Busca
Busca por data

A despedida de Pelé do Santos em fotos exclusivas

Equipe do jornal fez vários fotos e Reginaldo Manente conseguiu entrar sozinho no vestiário

02 de outubro de 2019 | 9h 42
Edmundo Leite - Acervo Estadão

O dia 2 de outubro de 1974 é um marco na história do futebol brasileiro e mundial. Naquela noite, na Vila Belmiro, Pelé, o maior jogador de todos os tempos, fazia a sua última partida com a camisa do Santos. Era o fim de uma vitorioso carreira de 18 anos no clube do litoral paulista, onde se consagrou e fez a maioria de seus mais de mil gols.

Pelé chora no vestiário fotagrafado por Reginaldo Manente em sua despedida do Santos.

A equipe do Estadão, que contava com Fausto Silva como um dos repórteres, foi com alguns de seus melhores fotógrafos para cobrir a partida: Domício Pinheiro, Reginaldo Manente, Alfredo Rizzuti e Claudine Petroli. Manente conseguiu entrar no vestiário e fazer fotos exclusivas de Pelé no momento em que o craque deixava o campo.

Sozinho no vestiário após deixar o campo escoltado e cercado por uma multidão, Pelé se emociona junto ao seu armário no vestiário da Vila Belmiro. Veja a sequência de fotos e como o jornal cobriu a despedida em três páginas.

Leia também:

> Pelé também é o rei das propagandas

> O gol mais bonito e imaginado de Pelé

> Fotos históricas: o casamento de Pelé

> Pelé, Miss Brasil e Éder Jofre

> Pelé e os Trapalhões

# Assine |  # Licenciamento de conteúdos Estadão

# Siga: twitter@estadaoacervo | facebook/arquivoestadao | instagram

FOTOS HISTÓRICAS

Leila Diniz e amigas em 1967

Veja essa e outras imagens que marcaram época Leila Diniz e amigas em 1967

Foto: Ywane Yamazaki/Estadão

Tópicos
ver todos