ir para o conteúdo
Busca
Busca por data

Carnaval para gringo nenhum botar defeito

Orson Welles, príncipe Charles... O maior espetáculo da terra já fez muita celebridade cair na folia

17 de fevereiro de 2015 | 8h 58
Liz Batista

Príncipe Charles visita a Beija-Flor e arrisca sambar com Pinah. Fernando Bueno/Estadão

Orson Welles e Rita Hayworth; Jennifer Lopez e Megan Fox; Janis Joplin e Madonna estrelas da era de ouro de Hollywood e movie stars da atualidade, ídolos do rock e do pop já ensaiaram passos ao som da nossa batucada. Há mais de meio século o carnaval brasileiro atrai famosos de todas as partes do mundo. Em 1978, em visita ao País, príncipe Charles mostrou que a realeza inglesa também tinha samba no pé - ou ao pelo menos simpatia e boa vontade. Para frenesi dos paparazzi, o herdeiro do trono britânico caiu na pista com a passista Pinah da Beija-Flor. O príncipe, um dos solteiros mais cobiçados da época, declarou aos repórteres que perguntavam sobre suas pretensões matrimoniais: “Estou inclinado a manter o suspense por mais alguns anos, principalmente porque, se me casar, não poderei mais dançar o samba como tenho feito no Brasil”.
O Estado de S.Paulo 10/02/1942
 
Orson Welles em baile de carnaval no Rio de Janeiro, fevereiro de 1942.  Acervo/ Estadão


Cidadão do samba. O cineasta Orson Welles desembarcou no Rio de Janeiro em 09 de fevereiro de 1942, com a missão de capturar a essência do povo brasileiro. O plano era filmar o carnaval, o povo e as belezas naturais do Rio de Janeiro e Fortaleza. Mas o filme que Welles desenvolveu tornou-se crítico demais para o Office of the Coordinator of Inter-American Affairs (agência americana criada para promover a cooperação entre os EUA e países da América Latina) e para o governo Vargas, que queriam do criador de Cidadão Kane (1941) um documentário de propaganda que servisse à política de aproximação entre Estados Unidos e Brasil durante a 2ª Guerra Mundial. Da passagem de Wells pelo País ficaram as imagens reunidas no documentário It's All True (1993) e a história da amizade com Grande Otelo e Herivelto Martins, firmada entre bailes de carnaval e tardes regadas à cachaça.

O Estado de S.Paulo - 13/02/1959
 
Jayne Mansfield na capa da revista Manchete de 21 de fevereiro de 1959. Reprodução

        
Jayne Mansfield festeja o carnaval em baile no Rio de Janeiro, em fevereiro de 1959. Acervo/ Estadão

Louraça 'bombshell'. A atriz e símbolo sexual platinada, Jayne Mansfield veio curtir o carnaval brasileiro em 1959. Foi capa da revista Manchete e quase perdeu o vestido num baila de carnaval, devido ao fervor da multidão que a envolveu. Em notícia publicada no Estado de 13 de fevereiro de 1959 contou como foi a experiência. A atriz, conhecida como “o Busto”e uma das principais concorrentes de Marilyn Monroe, descreveu como foi ser quase “desnudada” na festa. Considerou  o episódio “uma grande saudação” e disse sentir-se lisonjeada com a calorosa recepção da multidão “cujo calor e excitação latino-americano” ela não compreendeu de início, mas afirmou não guardar rancor.

Divas. Entre outras beldades estrangeiras que vieram conhecer o som da nossa batucada, estão Rita HayworthRomy Schneider. Elas estiveram no Rio de Janeiro em 1962 e 1965, respectivamente. Ambas contaram com o mesmo cicerone, Jorginho Guinle, famoso playboy do jet set.

  

Rita Hayworth joga serpentina em baile de carnaval no Rio de Janeiro. Acervo/ Estadão


     
Romy Schneider se diverte ao lado de Jorge Guinle, no Copacabana Palace. Acervo/ Estadão

Amor e carnaval. Alguns famosos internacionais que aterrissaram por aqui para conferir a festa vieram trazidos ou acompanhados por seus namorados brasileiros. Foi o caso do ator italiano Gabriele Tinti que teve a namorada Norma Bengell como acompanhante pelos bailes do Rio em 1964. A pop star, Madonna aplaudiu as escolas de samba na Sapucaí ao lado de Jesus Luz em 2010. No anos seguintes, o astro do futebol americano, Tom Brady veio ver a esposa, a top Gisele Bündchen, desfilar pela Unidos de Vila Isabel em 2011.



Norma Bengell com o ator Gabriele Tinti, em 1964. Madonna e Jesus Luz durante desfile. Marcos de Paula/ Estadão

O ator ganhador do Oscar Matthew McConaughey veio acompanhado da esposa Camila Alves e contou com a companhia de Kevin Spacey em 2009. Entre outros que vieram brincar nas brigas de confete, se enrolar na serpentina ou conferir os desfiles no conforto dos camarotes de cerveja estão Gina Lollobrigida e Janis Joplin - que esteve no Brasil em fevereiro de 1970, na tentativa de se livrar do vício da heroína. Durante a sua estada, fez topless em Copacabana, bebeu muito, cantou em um bordel, foi expulsa do Hotel Copacabana Palace por nadar nua na piscina. Naomi Campbell, Sharon Stone, Jennifer Lopez, Jude Law, Arnold Schwarzenegger, Mônica Bellucci, Will Smith e Megan Fox. Sozinhos ou acompanhados, todos voltaram para seus países enamorados pelo carnaval.

O Estado de S.Paulo - 14/02/1970
 
Convidada para desfilar, Janis Joplin diverte-se no carnaval do Rio de Janeiro, em 1970. Acervo/ Estadão




PÁGINAS HISTÓRICAS

Proclamação da República

Veja essa e outras capas que marcaram época Proclamação da República

Acervo Estadão

Tópicos
ver todos