ir para o conteúdo
Busca
Busca por data

Eli Wallach, o feio mais famoso dos faroestes

Eternizado na pele de 'Tuco', o Feio de 'Três Homens em Conflito', ator participou de mais de 150 filmes

25 de junho de 2014 | 15h 16
Liz Batista


Eli Wallach, e seu revólver cuspindo fogo, num de seus famosos faroestes. Foto: Divulgação


Morreu hoje, aos 98 anos de idade, o ator americano Eli Wallach. Ele foi eternizado no papel de Tuco em Três Homens em Conflito (1966), ou O Bom, O Mau e O Feio, clássico faroeste do diretor Sergio Leone.  Wallach, um veterano de  Hollywood, trabalhou em mais 150 produções, contracenou com Clark Gable, Clint Eastwood, Marlin Monroe, Montgomery Clift, Steve McQueen, Peter O'Toole, Yul Brynner e Al Pacino.

O Estado de S. Paulo - 13/7/1991


Após concluir seus estudos no renomado Actors Studio de Nova York, estreou nas telas em Boneca de Carne (1956), adaptação da peça de Tennessee Williams, dirigida por Elia Kazan. Logo, o ator de origem judaica, mostrou que  podia entregar  interpretações brilhantes a personagens do submundo. Em 1958, fez um assassino chamado Dancer, no film-noir O Sádico Selvagem, de Don Siegel. Também foi na pele de um bandido que Wallach iniciou sua carreira nos westerns. Em 1960, no filme Sete Homens e um Destino, de John Sturges, fez o bandoleiro mexicano Calvera. Em 1962, participou de A Conquista do Oeste, de John Ford.


Eli Wallach, de boné preto, ao lado de Marilyn Monroe, Clark Gable, Montgomery Clift, John Huston e Arthur Miller no set de filmagens de 'Os Desajustados' (1961). Foto: Divulgação



 Ainda na década de 1960, trabalhou sob a direção de outros dois grandes diretores. Participou de Os Desajustados, de 1961. Dirigido por John Huston e escrito por Arthur Miller, o filme marcou o final da carreira de dois astros de Hollywood, foi a última produção que Marilyn Monroe e Clark Gable participaram antes de morrer. Em 1966, estreou na obra que concluiu a trilogia de faroeste de Sergio Leone, o aclamado Três Homens em Conflito.


#Leia mais sobre Eli Wallach


Ao lado de Clint Eastwood, o Bom, e Lee Van Cleef, o Mau, Eli Wallach, o Feio, protagonizou uma das mais famosas cenas de duelo da história do cinema, ao som da trilha sonora de Ennio Morricone.





Em 1990, Wallach teve mais uma atuação aplaudida. Em um papel na obra final de outra trilogia clássica de um cineasta de origem italiana, Wallach interpretou Don Altobello, um chefe mafioso que conspirava contra a família Corleone, em o Poderoso Chefão III, de Francis Ford Coppola.

O Estado de S. Paulo - 14/03/1991



FOTOS HISTÓRICAS

Leila Diniz e amigas em 1967

Veja essa e outras imagens que marcaram época Leila Diniz e amigas em 1967

Foto: Ywane Yamazaki/Estadão

Tópicos
ver todos