ir para o conteúdo
Busca
Busca por data

Era uma vez em SP... Clube de Regatas Tietê

Clube funcionou por 105 anos e teve história marcada por vitórias de atletas como Esther Bueno

14 de agosto de 2015 | 13h 31
Liz Batista

Clube de Regatas Tietê em obras para se tornar um Clube Escola, em 2014. Daniel Teixeira/ Estadão

Foi pouco depois de completar 105 anos de existência que o Clube de Regatas Tietê teve que fechar as portas. O clube foi fundado, em 1907, originalmente como uma agremiação exclusiva de regatas. Com o tempo foi expandindo suas atividades esportivas e seu quadro de atletas, que contou com a tenista Maria Esther Bueno, tricampeã mundial em Wimbledon. Na década de 1960, a instituição chegou a contabilizar 19 mil membros. Mas, as glórias e os sócios se foram com tempo. Em novembro de 2012, com dívidas trabalhistas que chegavam a R$35 milhões e um quadro de evasão - o clube tinha apenas 1,5 mil sócios - o Regatas do Tietê não resistiu à crise e fechou.

Após uma reforma, o lugar foi transformado num Clube Escola. Além de oferecer aos estudantes da rede pública da cidade uma infraestrutura voltada para a prática de esportes, o lugar também funciona como um centro de recreação e lazer aberto para a população. A Prefeitura mantém no local o Memorial do Clube Regatas Tietê,  um espaço reservado à preservação da memória do antigo clube. Ali, ficam expostos os 2,5 mil troféus e medalhas que contam um pouco da história do Regatas Tietê. 



Fundação. O Clube de Regatas Tietê foi criado em  06 de junho  de 1907 pelos atletas Victor Leite Mamede e Júlio Ribeiro, remadores dissidentes do Clube de Regatas São Paulo. A região escolhida para a agremiação foram as margens do Rio Tietê, na Zona Norte, próximo à Ponte Grande, que depois foi substituída pela Ponte das Bandeiras. Em pouco tempo o clube, representado pelas cores  vermelho e preto, se tornou um sucesso entre os jovens. As décadas seguintes foram marcadas pela expansão do clube, que passou a aumentar e diversificar sua estrutura esportiva. O terreno de 50 mil m²  do Regatas Tietê  passou a contar com um parque aquático de 5 piscinas, 7 quadras de tênis, ginásios, campos de futebol e pistas de atletismo. A entrada do clube ficava na Avenida Santos Dumont, nº 843.

O Estado de S.Paulo - 8/6/1907


A estrela do Tênis. Entre os atletas mais famosos do clube está Maria Esther BuenoTrês vezes vencedora do torneio de Wimbledon e campeã de vários torneios na Europa e nos Estados Unidos,  a tenista foi responsável por tornar o clube mundialmente conhecido. O nadador Abílio Couto está entre os outros nomes de destaque do clube.  O atleta, detentor do recorde de travessia do canal da mancha de 1958, foi quatro vezes campeão mundial de natação em águas abertas.

O Estado de S.Paulo - 26/11/1961

Navegue na Galeria da série Era uma vez em SP ... e conheça lugares que fizeram história 


Veja também:

# Clube de Regatas Tietê surgiu em 1907

Tags: Clube de Regatas Tietê

# Assine |  # Licenciamento de conteúdos Estadão |

Viu essa página?

Anúncio de lança-perfume em 1929

Entorpecente era permitido e sucesso no carnaval Anúncio de lança-perfume em 1929

Veja a edição completa de 13/1/1929

Tópicos
ver todos