ir para o conteúdo
Busca
Busca por data

Fotos Históricas: chuva de muamba

Para fugir das multas, comerciantes da Galeria Pagé jogaram das janelas produtos sem nota fiscal

24 de agosto de 2015 | 12h 24
Carlos Eduardo Entini


Muvuca para pegar produtos jogados pelos comerciantes da Galeria Pagé. Geraldo Guimarães/Estadão

Em setembro de 1984 choveu relógios, calculadoras, bijuterias, óculos e outros produtos. E, ao contrário de uma chuva comum, as pessoas não procuraram abrigo. Mas se empurravam para conseguir pegar algum dos objetos arremessados. Os produtos sem nota fiscal foram jogados por alguns lojistas pelas janelas da Galeria Pagé na tentativa de se livrar das multas durante fiscalização da Receita Federal.

O Estado de S. Paulo - 12/9/1984


Antes da invasão dos produtos chineses, a Galeria Pagé era referência em São Paulo para quem queria comprar produtos importados. E também era frequentemente visitada pela polícia e fiscais da receita por causa de produtos contrabandeados e importados ilegalmente. Na época da chuva de muamba, a importação ilegal de eletrônicos, vestuário estava intensa porque o governo havia aumentado para 200% o imposto para produtos considerados supérfluos. 


Detalhe do contato com a pauta fotográfica sobre o fechamento da Galeria Pagé em 18/9/1984


A Galeria Pagé foi inaugurada em 1962, e ainda funciona. E também continua com o mesmo problema, mas com outro nome: pirataria. Em 2010, foi última vez em que foi fechada. Mas naquela ocasião foi por causa de produtos piratas. Hoje a Galeria Pagé não é o único centro comercial na região da 25 de Março. Ela ganhou outros concorrentes, como o Shopping Mundo Oriental. Em 2011, o concorrente da Pagé também foi fechado por vender produtos piratas. Essa é a diferença entre setembro de 1984, quando caiu a chuva de produtos das janelas da Pagé, e hoje. Produtos piratas e importados ilegalmente estão presentes não somente na Galeria Pagé, localizadas na região conhecida como '25 de Março'.

Navegue na galeria e veja mais do 'Fotos Históricas'


Tags: Galeria Pagé, Rua 25 de Março

# Assine |  # Licenciamento de conteúdos Estadão |

Viu essa página?

Anúncio de lança-perfume em 1929

Entorpecente era permitido e sucesso no carnaval Anúncio de lança-perfume em 1929

Veja a edição completa de 13/1/1929

Tópicos
ver todos