ir para o conteúdo
Busca
Busca por data

Há um século: conto do vigário

Golpistas são reconhecidos por vítima

18 de agosto de 2020 | 11h 20
Acervo - Estadão

O destaque da edição de 18/8/1920 é o reconhecimento de dois 'vigaristas refinados' pela vítima que caiu na lábia deles e perdeu três mil contos de réis, o que equivaleria hoje a R$ 75.000,00.

A propaganda escolhida é do relógios de parede da Casa Birle. O mais caro, o Westminister que toca de 15 em 15 minutos, custaria hoje algo em torno de R$ 5.250.00.

Publicado em 14/8/1920

Publicado em 14/8/1920

Publicado em 18/8/1920

Publicado em 18/8/1920

Veja também:

> Outras notícias históricas

> Todas as edições > Censuradas  > Tópicos  > Pessoas  > Lugares  > Capas históricas

>> ACESSE TODAS EDIÇÕES DO JORNAL

Proclamação da República

Veja essa e outras capas históricas Proclamação da República

# Capa do jornal de 16/11/1889

Tópicos
ver todos