ir para o conteúdo
Busca
Busca por data

Hotel Victoria, a pré-história do prédio que desabou

Local ao fundo do Largo do Paissandu passou por várias transformações ao longo dos anos

10 de maio de 2018 | 12h 45
Edmundo Leite - Acervo Estadão

"O preferido pelas exmas. famílias e cavalheiros", dizia o anúncio do Hotel Victoria publicado no Estadão em 1924. Inaugurado três anos antes numa das extremidades do Largo do Paissandu, o hotel ficava no terreno onde anos depois seria contruído o Edifício Wilton Paes de Almeida, que desabou após um incêndio no dia 1 de maio de 2018. 

Nas imagens da galeria, a história e alguns acontecimentos no edifício que ao longo dos anos abrigou empresas e um banco, foi sede da Polícia Federal, o período em que foi mais fotografado, e posto do INSS, até ser abandonado e ocupado por moradores sem-teto. Em 1991, o fotógrafo Luiz Prado conseguiu fazer um raro registro de grande parte do edifício e de seu interior.

Vista do Edifício Wilton Paes de Almeida, de onde o delegado Romeu Tuma jogou pela janela um gigantesco processo contra um médico fraudador da Previdência Social. As linhas verticais azuis são a marcação de corte para a publicação da foto na capa do jornal.

> Clique aqui para abrir a galeria em outra página

-

#Assine | #Licenciamento de conteúdos Estadão|

# Siga: twitter@estadaoacervo facebook/arquivoestadao Instagram

Viu essa página?

Debate eleitoral

Relembre Collor x Lula em 1989 Debate eleitoral

Veja a edição completa de 15/12/1989

Tópicos
ver todos