ir para o conteúdo
Busca
Busca por data

Museus de Paris liberam 150 mil imagens digitais para uso livre

Projeto Conteúdo Aberto inclui obras de grandes artistas como Modigliani, Tintoretto e Rembrandt

29 de janeiro de 2020 | 16h 39
Carlos Eduardo Entini - Estadão Acervo

Vista do Canal de Santa Chiara, Veneza, de Canaletto. Museu Cognacq-Jay

Vista do Canal de Santa Chiara, Veneza, de Canaletto. Museu Cognacq-Jay

Que tal tal estampar uma camiseta com uma obra de Modigliani, fazer uma caneca com a pintura do Grande Canal de Veneza do Tintoretto ou colocar um fundo de tela descolado com uma obra de arte? Agora isso é possível porque os Museus da Cidade de Paris (Les Musées de La Ville de Paris) lançou o projeto 'Open Content' [Conteúdo Aberto, em português] que liberou gratuitamente mais de 150 mil reproduções digitais das obras de seu acervo. As reproduções estão sobre a licença 'Creative Commons Zero', ou seja, não precisam de autorização para serem usadas seja comercialmente ou não.

Publicidade do café brasileiro (1930) de Jean d'Ylen. Museu Carnavalet, Paris

Publicidade do café brasileiro (1930) de Jean d'Ylen. Museu Carnavalet, Paris

Como estão em alta definição, as obras podem ser usadas em livros, materiais didáticos, cartazes e outros objetos pessoais, como canecas e camisetas. Ou o que der na telha. No acervo aberto estão fotografia de Atget, Blancard, Marville, Carja e pinturas de Courbet, Delacroix, Rembrandt, Van Dyck. Mas também estão disponíveis cartazes, gravuras ilustrações e objetos 3D, como moedas e esculturas.

"Mulher dos olhos azuis" de Amedeo Modigliani (1918). Museu de Arte Moderna da Cidade de Paris

"Mulher dos olhos azuis" de Amedeo Modigliani (1918). Museu de Arte Moderna da Cidade de Paris

A instituição parisiense, responsável pela administração de mais de 10 instituições museológicas da cidade, é a primeira na França a disponibilizar seu acervo online para uso sem restrições. Outras instituições que já fizeram isso foram o museu holandês Rijksmuseum e o Metropolitan Museum de Nova York. Segundo o Museus de Paris, o projeto faz parte da sua nova política digital que quer contribuir para o crescimento exposição da sua coleção nos meios digitais e favorecer o acesso a arte e cultura, inclusive no exterior.

Como pesquisar – Acesse a página específica da Open Content. Certifique-se que está marcado o campo “Image libre de droit seulement” localizado no canto esquerdo da página. Se não estiver, o resultado da pesquisa será com objetos que não fazem parte do projeto. Para melhorar o resultado use o campo à esquerda da página para filtrar por artista, tipo de obra (Dénomination) e data.

Na página de pesquisa, confirme a opção 'Image libre de droit seulement'

Na página de pesquisa, confirme a opção 'Image libre de droit seulement'

Depois de escolher a obra faça o download. Ele virá em uma pasta que, além da imagem, contém a ficha técnica da obra e um guia em PDF para utilização da obra. Se você criar um objeto com alguma obra, não esqueça de enviar o resultado para o e -mail photo.parismusees@paris.fr para que eles também divulguem.

Acervo Estadão

Todas as edições | Censuradas | Tópicos | Personalidades | Lugares | Páginas da História

# Assine |  # Licenciamento de conteúdos Estadão

FOTOS HISTÓRICAS

Leila Diniz e amigas em 1967

Veja essa e outras imagens que marcaram época Leila Diniz e amigas em 1967

Foto: Ywane Yamazaki/Estadão

Tópicos
ver todos