ir para o conteúdo
Busca
Busca por data

No Dia Mundial do Rock, veja a história do ritmo através das páginas do jornal

Confira os textos e imagens que o Acervo Estadão separou para comemorar a data

13 de julho de 2017 | 10h 17
Estadão Acervo

 

Bill Haley tocou na 'Noite do Rock', no Playcenter, em 1975, para um público de 20 mil pessoas. Acervo/ Estadão

O rock chegou causando. Sinônimo de rebeldia e transgressão, o ritmo chegou ao Brasil em meados da década de 1950. A estreia do filme Ao Balanço das Horas (Rock Around the Clock), com as músicas do novo estilo chamado rock and roll é um marco do início do movimento musical no País. Fez um estrondoso sucesso entre os jovens e as mesmas reações alucinadas presenciadas na Europa e nos Estados Unidos se repetiram por aqui. Adolescentes batiam os pés,dançavam, cantavam e gritavam na plateia dos cinemas.

A reação conservadora foi imediata. Grupos como o Movimento de Arregimentação Feminina e a Comissão de Moral e Costumes da Confederação das Famílias Cristãs procuram impedir que adolescentes assistissem ao filme."É preciso impedir que os menores de 18 anos continuem a praticar atos de selvageria e delírio coletivo", declaravam. A censura agiu e baixou uma portaria proibindo a entrada de menos de idade nas sessões.

Mas, era uma batalha sem chance para os opositores do rock. O gosto pela nova música se expandiu rapidamente, criou raízes e deu frutos. Bill Haley veio ao Brasil em 1958. Os jovens, que foram festejar sua chegada ao redor da pista do aeroporto de Congonhas, o aguardavam dançando e cantando.

Veja momentos marcantes da histórioa do rock contados nas páginas e imagens do Acervo:


Clique na imagem para ver a galeria de fotos 

#O primeiro e inesquecível Rock in Rio       

#Adeus, Lemmy

#Guns, que parecia morto e enterrado, volta ao Brasil

             #Alice Cooper, pioneiro dos mega shows de rock no Brasil           


      

“Vou tomar cerveja brasileira”. Alice prontamente atendido ao chegar ao país em 1974  

Clique na imagem para ver a galeria de fotos     


Clique na imagem para ver a galeria de fotos      

#Os 70 anos do brilhante e imprevisível Syd Barrett
#Há 10 anos, morria Johnny Cash
#Joe Cocker roubou o show fez a trilha de Woodstock
#Alguns discos clássicos já nascem grandes



 

#Elvis não morreu
#Guns n' Roses, a banda que costumávamos amar
#Chris Cornell (1964-2017), Soundgarden e Audioslave
#Cabeça Dinossauro, 30 anos: o porão escuro do Titãs

#Sertão de Liverpool




Clique na imagem para ver a galeria de fotos
    

#Guns, que parecia morto e enterrado, volta ao Brasil

#Prince, um astro sexy e provocante

#Prédios de São Paulo: Galeria do Rock     

#Fotos Históricas: David Bowie no Brasil

 

Clique na imagem para ver a galeria de fotos   

#Bill Haley e Seus Cometas no Brasil
#Mamonas Assassinas, fenômeno nos anos 90
#Eric Clapton: a dor que sai no jornal
#Fotos Históricas: Os Mutantes  


#Titãs: éramos nove
#Rolling Stones: 50 anos discutindo a relação
#A música que não saiu da boca de Baby e Pepeu no Rock in Rio
#O inesquecível show do ‘Queen’ no Morumbi
#Contatos Fotográficos: Motorhead


Clique na imagem para ver a galeria de fotos   

Confira os perfis de ícolnes do Rock:
BEATLES
ELVIS PRESLEY
ROLLING STONES
ROBERTO CARLOS
ERASMO CARLOS
RENATO RUSSO
BOB DYLAN 


 
Clique na imagem para ver a galeria de fotos      

#Assine |  # Licenciamento de conteúdos Estadão |
# Siga: twitter@estadaoacervo | facebook/arquivoestadao | Instagram | 



FOTOS HISTÓRICAS

Leila Diniz e amigas em 1967

Veja essa e outras imagens que marcaram época Leila Diniz e amigas em 1967

Foto: Ywane Yamazaki/Estadão

Tópicos
ver todos