ir para o conteúdo
Busca
Busca por data

Prédios de São Paulo: Shopping Iguatemi

Seu enorme relógio d'água, localizado na entrada, foi projetado pelo estilista Gitton Bernard

09 de dezembro de 2013 | 10h 50
Cley Scholz

Inaugurado em 28 de novembro de 1966, com show de Chico Buarque, Nara Leão, Eliana Pittman e Chico Anísio e público de mais de 5 mil pessoas, o Shopping Iguatemi introduziu o conceito de centro de compras no Brasil. 

O Estado de S.Paulo- 14/02/1965

Mais de 2.500 operários trabalharam dia e noite por 16 meses para erguer a construção que custou 60 milhões de cruzeiros, a moeda daquela época.  Em 1977 o shopping foi ampliado com um prédio de sete andares.

Uma das atrações do Iguatemi é o relógio d’água, que fica na entrada principal, projetado pelo estilista francês Gitton Bernard e inaugurado na década de 1980.  Só existem cinco relógios do tipo no mundo. Com 8,5 metros de altura, atrai a curiosidade do público com canos transparentes cheios de água colorida que formam um complicado sistema de vasos comunicantes.

Foi também na década de 80 que o shopping começou a expandir seu espaço e investir em obras de ampliação. A entrada foi reduzida para o alargamento da Faria Lima. O prédio cresceu verticalmente para comportar mais lojas. E para os lados, para comportar mais automóveis.

A imagem acima foi publicada no Estado no dia 14 de fevereiro de 1965, quando o shopping estava em construção.


Leia mais:
Como era São Paulo sem shopping center

Veja mais:
O Iguatemi hoje

Acompanhe a série:
Prédios de São Paulo: Copan
Prédios de São Paulo: Martinelli

Páginas selecionadas pelo Editor

Viu essa página?

Capas históricas: 11 de setembro

Pesquise e acesse todas as edições do jornal Capas históricas: 11 de setembro

Veja a edição completa de 12/11/2001

Tópicos
ver todos