ir para o conteúdo
Busca
Busca por data

Prédios de SP: São Thomaz, S. Virgília e S. Rita

Ao lado do Itália, do Copan e do Metrô, prédios foram construídos durante a Segunda Guerra Mundial

31 de março de 2014 | 15h 18
Cley Scholz
"Todo o conforto de um palacete em apartamentos nobres e luxuosos." A promessa estava no anúncio de lançamento dos edifícios São Thomaz, Santa Virgília e Santa Rita, publicado no Estado do dia 12 de março de 1944, em plena Segunda Guerra Mundial.  


O Estado de S.Paulo - 12/3/1944



"Localização privilegiada, na parte mais aristocrática das avenidas Ipiranga e São Luís e Praça da República".
Os edifícios lançados pela construtora Arnaldo Maia Lello eram apresentados como "ótima inversão de capitais", com apartamentos de quatro dormitórios, dois banheiros "com acabamento finíssimo" e garagem.


>> Acompanhe a série 'Prédios de São Paulo'



As décadas seguintes mostraram que os três edifícios eram realmente um bom investimento. O Edifício Itália (Circolo Italiano), foi inaugurado em 1965 na mesma esquina, com 46 andares. Em maio de 1952 já havia sido inaugurado nas proximidades outro marco da arquitetura, o Edifício Copan.


>>O prédio hoje


Confira, abaixo em 'Páginas Selecionadas', como a Avenida São Luís, antes cercada por casarões , foi duplicada em 1944, e se transformou em uma das avenidas mais movimentadas da cidade.

Veja também como metrô beneficiou o Centro. Em abril de 1982, a Estação República da Linha Leste-Oeste melhorou a mobilidade no centro. Em setembro de 2011, a inauguração da Linha Amarela do Metrô na Praça da República (Butantã - Luz) valorizou ainda mais a região.

Páginas selecionadas pelo Editor

>> ACESSE TODAS EDIÇÕES DO JORNAL

Proclamação da República

Veja essa e outras capas históricas Proclamação da República

# Capa do jornal de 16/11/1889

Tópicos
ver todos