ir para o conteúdo
Busca
Busca por data

Sete Quedas

Uma das maiores atrações turísticas do Brasil foi alagada para dar lugar ao lago de Itaipu

03 de junho de 2014 | 11h 58
Carlos Eduardo Entini

Luiz Sthinsen/Estadão    

Em 1982, o fechamento das comportas de Itaipu formou um imenso lago de 1.350 quilômetros quadrados e inundou uma imensidão de terras no oeste do Paraná. No meio estavam os saltos de Sete Quedas, uma das atrações turísticas mais conhecidas do Brasil. Houve reação contra o afogamento, mas o País vivia uma ditadura e não teve discussão.

O general Costa Cavalcanti, que comandava Itaipu, foi enfático “recebemos ordens de executar um projeto e não podemos perder tempo com hipóteses ou alternativas”. Carlos Drummond de Andrade reagiu com poesia: “Sete Quedas por nós passaram/E não soubemos, ah, não soubemos amá-las/E todas sete foram mortas/E todas sete somem no ar, sete fantasmas, sete crimes/Dos vivos golpeando a vida/Que nunca mais renascerá”.

Viu essa página?

Anúncio de lança-perfume em 1929

Entorpecente era permitido e sucesso no carnaval Anúncio de lança-perfume em 1929

Veja a edição completa de 13/1/1929

Tópicos
ver todos