ir para o conteúdo
Busca
Busca por data

Tapetes coloridos marcam a festa de Corpus Christi

Hábito de enfeitar as ruas no caminho da procissão começou no final da década de 1960

04 de junho de 2015 | 11h 47
Rose Saconi

Católicos de todo o mundo saem hoje às ruas para a festa de Corpus Christi, expressão latina que significa Corpo de Cristo. A celebração religiosa, que data da Idade Média, tem como objetivo homenagear a Eucaristia. A principal característica da festa são as procissões, que tradicionalmente passam por ruas ornamentadas com tapetes feitos com serragem colorida com anilina, cascas de ovos, tampinhas de garrafas, cal e pétalas de flores.


Fiéis observam o tapete ilustrado no feriado religioso de Corpus Christi de 1977. Manente/Estadão

A festa religiosa foi instituída oficialmente pela Igreja por ordem do Papa Urbano IV, em 1264, com a solene procissão de Corpus Christi. O hábito de enfeitar as ruas no caminho da procissão com tapetes começou no final da década de 1960 em cidades do interior de São Paulo como Santana de Parnaíba, Caçapava (foto acima), São Luís do Paraitinga, Matão, Ibitinga e também em outros municípios e regiões do País.

O Estado de S. Paulo - 14/6/1968

Tapetes ficarão. "Os tapetes são um fenômeno contemporâneo no Brasil. Estão sendo imitados em todas as cidades. tudo indica que os tapetes surgiram para ficar", apostava a reportagem do Estado de 1969 (abaixo).

O Estado de S. Paulo - 5/6/1969

Tags: Religião, Corpus Christi

# Assine |  # Licenciamento de conteúdos Estadão |

>> ACESSE TODAS EDIÇÕES DO JORNAL

A estreia de King Kong

Veja essa e outras capas históricas A estreia de King Kong

# Capa do jornal de 28/5/1933

Tópicos
ver todos