ir para o conteúdo
Busca
Busca por data

Vitória de Doria quebra a tradição de segundo turno

Foram 20 anos de eleições em duas etapas na cidade; veja como foram as anteriores

02 de outubro de 2016 | 21h 00
Estadão Acervo

Pela primeira vez a eleição para prefeito em São Paulo é decidada no primeiro turno com a vitória de João Doria. Foram seis disputas desde quando passou a valer o sistema com duas votações. 

Instituído pela Constituição de 1988, o segundo turno, no caso de o primeiro colocado não ter mais de 50% dos votos válidos, só não valeu para a eleição daquele ano quando, Luiza Erundina (PT) foi eleita com 29% dos votos.


O segundo turno entrou em vigor nas eleições de 1992. Naquele ano, a disputa ficou entre Paulo Maluf (PDS) e Eduardo Suplicy(PT). Maluf foi eleito com 48,84% dos votos. Na última eleição municipal, Fernando Haddad (PT) e José Serra (PSDB) levaram o pleito ao segundo turno. O petista venceu e foi eleito com 55,57% dos votos.

O Estado de S.Paulo - 8/10/2012

 O Estado de S. Paulo - 6/10/2008

 

 O Estado de S. Paulo - 4/10/2004

O Estado de S. Paulo - 2/10/2000

O Estado de S. Paulo - 5/10/1996

O Estado de S. Paulo - 6/10/1992

Veja também:
História das eleições diretas para prefeito de São Paulo
# Foto galeria: História das disputas para ser prefeito de São Paulo
Vices comandaram São Paulo por mais de um mandato 

# Siga:  twitter@estadaoacervo | facebook/arquivoestadao | Instagram | # Assine

>> ACESSE TODAS EDIÇÕES DO JORNAL

Proclamação da República

Veja essa e outras capas históricas Proclamação da República

# Capa do jornal de 16/11/1889

Tópicos
ver todos